Descubra o que é o Simples Nacional e as suas vantagens para os pequenos empresários

O Simples Nacional é um regime tributário que veio para simplificar a vida dos micro e pequenos empresários.

Assim, é possível recolher todos os tributos em uma única guia e ainda arcar com alíquotas bem mais baixas do que aquelas aplicadas em organizações maiores.

Se quer saber detalhes do Simples Nacional, fique por aqui e aproveite as informações desse artigo.

Hoje, você vai entender mais sobre o regime tributário, além de conhecer todas as vantagens dele para a sua empresa.

 

O que é o Simples Nacional?

O Simples Nacional é um regime tributário para empresas que possuem receita bruta anual de até R$ 4,8 milhões.

Ele é simplificado e facilitado, justamente para atender os micro e pequenos empreendedores, ao ponto de permitir o recolhimento de diversos tributos em uma única guia.

Mais do que isso, sua alíquota varia conforme o faturamento, que é separado em faixas até o limite de R$ 4,8 milhões.

Mas afinal, como era a tributação antes do Simples Nacional?

Bem mais complexa!

Para você ter uma ideia, os empreendedores tinham que pagar os tributos em guias e datas separadas.

Além disso, as alíquotas eram geralmente proporcionais àquelas aplicadas em empresas maiores.

Portanto, o regime facilitou muito o trabalho dos pequenos empresários, ao ponto de alguns, que ainda não tinham tido a chance de empreender, começarem a abrir os seus próprios negócios.

Para melhorar, de uns anos para cá novos segmentos foram acrescentados à relação de atividades autorizadas a este regime, o que abriu portas para pessoas interessadas em outros nichos finalmente montarem as suas empresas.

Para saber mais, acesse o Portal Simples Nacional e aproveite para conhecer todos os requisitos para aderir ao regime.

 

Quais as vantagens do Simples Nacional para os pequenos empresários?

Vamos agora conhecer as vantagens do Simples Nacional para o seu negócio?

 

1 – CNPJ único

Antigamente, os pequenos empreendedores precisavam de um CNPJ para cada ente federativo.

Mas com o Simples Nacional basta apenas um, que é o identificador da inscrição da empresa.

Vantagens?

Além da diminuição do trabalho com exigências e declarações fiscais, os processos de gestão e de contabilidade do empreendimento ficam muito mais simplificados.

 

2 – Arrecadação única

Toda a tributação do Simples Nacional é facilitada.

Isso significa que a carga tributária é reduzida e também unificada, bastando uma única guia de tributos para pagamento.

 

3 – Regularização facilitada

No Simples Nacional existe também uma facilitação na regularização de dívidas.

Assim, é possível fazer um parcelamento dos débitos, o que simplifica bastante para os empreendedores que eventualmente passaram por uma situação de endividamento.

 

4 – Contabilização facilitada

O Simples Nacional permite que as empresas enquadradas no regime fiquem isentas de diversas obrigações, como o SISCOSERV e o SPED Contribuições.

Elas também não precisam de Certidões Negativas para a realização de alterações contratuais.

 

5 – Preferência em licitações

As pequenas empresas enquadradas no Simples Nacional possuem preferência nas licitações em situações de empate.

Por empate entenda uma proposta igual ou superior em até 5% nos pregões e igual ou superior em até 10% em concorrências.

Para saber mais, leia o artigo 44 da Lei Complementar nº 123.

 

De fato, o Simples Nacional é prático e vantajoso para as micro e pequenas empresas.

E ele é também um facilitador para a abertura de novos negócios!